NOTÍCIAS TRAPICHE

Mineração urbana




Quando se fala em mineração logo imagina-se tratores, caminhões gigantes e diversos operários trabalhando em terrenos isolados. No entanto, de uns tempos pra cá com o avanço da tecnologia, essa realidade está sendo substituída por pessoas comuns minerando no interior de grandes cidades: é a mineração urbana.


A cada ano que passa o mercado da tecnologia vem avançando, em ritmo frenético, com as suas novidades e inovações. Isso faz com que as pessoas acabem se desfazendo dos seus aparelhos mais rapidamente para acompanhar os últimos lançamentos e isso, consequentemente, aumenta a produção de lixo eletrônico no mundo.


De acordo com uma estimativa feita pela ONU (Organização das Nações Unidas), no Brasil são gerados cerca de 1,4 milhões de toneladas de lixo eletrônico todos os anos. Porém, supõe-se que apenas 2% desse material seja reciclado, por mais que alguns dos materiais presentes nestes aparelhos, como o ferro, cobre, prata, ouro e lítio, possam servir como base para novos aparelhos eletrônicos.


O que muitos não sabem é que em uma tonelada de lixo eletrônico pode-se extrair cerca de 150 gramas de ouro, o que significa 30 vezes mais ouro que em muitas minas por aí. No entanto, a cadeia de reciclagem precisa ser ampliada para que, assim, os aparelhos eletrônicos possam ser descartados da maneira mais correta possível, podendo ter peças reaproveitadas se fazendo desnecessária a extração de tantos recursos da natureza.


Fonte: http://www.revistamt.com.br/Materias/Exibir/mineracao-urbana

Em Destaque
Noticias Recentes