NOTÍCIAS TRAPICHE

Enorme reserva de diamante é detectada abaixo da superfície da Terra


Pesquisadores americanos do Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT) anunciaram, nesta semana, a descoberta de mais de um quatrilhão de toneladas de tesouro de brilhantes a cerca de 145 a 240 quilômetros abaixo da superfície da terra, profundidade esta muito maior do que qualquer expedição de perfuração já alcançou.


O tesouro foi descoberto pelos cientistas, utilizando a tecnologia sísmica para analisar a forma com que as ondas sonoras passam pela terra, em rochas conhecidas como raízes cratônicas, que tem o formato de montanhas invertidas, e se estendem da crosta terrestre até o manto. Em um comunicado, o MIT explicou que as raízes cratônicas são “as partes mais antigas e imóveis das rochas, que ficam abaixo do centro da maioria das placas tectônicas continentais”.


O pesquisador do Departamento de Ciências Terrestres, Atmosféricas e Planetárias do MIT, Ulrich Faul, afirmou que “O diamante é especial de muitas maneiras. Uma de suas propriedades especiais é que a velocidade do som no diamante é duas vezes mais rápida que no mineral dominante nas rochas do manto superior, a olivina”.


Os cientistas estão, ainda, convictos de que as antigas rochas subterrâneas da Terra possuem mil vezes mais diamantes do que anteriormente estimava-se. De acordo com Faul: “Não podemos pegá-los, mas ainda há muito mais diamantes do que já imaginamos antes. Isso mostra que o diamante talvez não seja esse mineral exótico, mas, na escala das coisas, relativamente comum”.


Fonte: https://exame.abril.com.br/ciencia/enorme-reserva-de-diamante-e-detectada-abaixo-da-superficie-da-terra/

Em Destaque
Noticias Recentes