top of page

NOTÍCIAS TRAPICHE

Brazilian Critical Minerals estima recursos para o Amazonas



A Brazilian Critical Minerals divulgou sua primeira Estimativa de Recursos Minerais para os projetos Ema e Ema East, que exploram Elementos de Terras Raras (ETR) em Apuaí, Amazonas. De acordo com a empresa, o depósito contém aproximadamente 1,017 milhão de toneladas de ETR, apresentando uma concentração de 793 ppm de TREO (Óxidos de Elementos de Terras Raras).


A descoberta dos recursos de terras raras no Projeto Ema foi inicialmente anunciada em maio de 2023, e o relatório sobre a estimativa de recursos foi publicado apenas um ano após essa descoberta.

 

A empresa destaca que o projeto REE iônico de EMA (arrendamentos Ema e Ema East) é notável no contexto dos projetos brasileiros de terras raras, pois possui características similares aos depósitos de terras raras encontrados em rochas vulcânicas félsicas no sudoeste da China, a principal região de argila iônica do mundo.


O Projeto Ema abrange uma área de 189 km² de solo vulcânico félsico, onde foram realizados 194 furos de sondagem, somando 2.749 metros. Até agora, a sondagem cobriu 82 km². Os primeiros testes de lixiviação realizados pela SGS (AMSUL) confirmaram altas taxas de recuperação para os quatro elementos mais importantes de terras raras (neodímio, praseodímio, disprósio e térbio), atingindo recuperações de até 85% em alguns elementos.


Um conjunto de Recursos Minerais Inferidos foi estimado para os elementos de terras raras contidos no projeto Ema restringidos por diferentes teores de corte pelo grupo de consultoria GE21 Consultoria Mineral Ltda e relatado de acordo com o Código JORC (2012).

 

Comments


Em Destaque
Noticias Recentes
bottom of page